Gibson destrói centenas de guitarras Firebird X

Gibson destrói centenas de guitarras Firebird X

por 02/08/2019

A empresa americana Gibson, fabricante de guitarras, declarou que os instrumentos Firebird X eram “irrecuperáveis” e não podiam ser doados.

Devido ao seu sistema de comutação arcano, sintonizadores robóticos, acessórios Bluetooth e software complicado, a Gibson Firebird X é uma guitarra elétrica que se mostrou difícil de ser amada. No entanto, para muitos fãs de guitarra, o vídeo postado no YouTube, mostrando centenas destes instrumentos sendo destruídos por um veículo de construção pesada, teve um impacto devastador.

O vídeo foi publicado por um ex-funcionário da Gibson, BJ Wilkes, que explicou ao YouTuber The Guitologist que as guitarras não eram compatíveis e é por isso que a empresa precisou retirá-las dos livros, já que os novos donos procuravam mudar a sorte da empresa, após do seu problema financeiro divulgado na mídia e a expulsão do ex-CEO Henry Juszkiewicz.

Abordando as preocupações daqueles que perguntaram por que as guitarras não foram doadas ou suas partes foram reutilizadas, a Gibson disse em um comunicado oficial que o vídeo era de “um lote isolado de modelos Firebird X construídos entre 2009-2011 que era irreparável ​​e danificado, com componentes inseguros. Este grupo isolado de modelos Firebird X não pode ser doado para propósito nenhum e por isso foi destruído.”

A declaração da Gibson continuou com a reafirmação do recente relançamento da empresa da Fundação Gibson destacando que, desde 2002, a empresa tem doado milhares de guitarras para instituições de caridade e escolas, sendo essas doações avaliadas em mais de US$ 30 milhões.

A Fundação Gibson foi criada para apoiar “programas de educação musical negligenciados, promovendo a cultura musical e incentivando a criação de música”. A Gibson continuará suas ações de caridade com a doação de uma guitarra por dia nos próximos mil dias.

*Fonte: Jonathan Horsley para www.musicradar.com

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Comentários