Entrevista: Marcelo Giangrande da MG Music por 19/05/2020

Conheça o trabalho do guitarrista e empresário Marcelo Giangrande, da MG Music, e seus amplificadores e pedais handmade

Marcelo Giangrande é apaixonado por música e pelas sonoridades clássicas presentes em trabalhos de artistas seminais do rock como Eric Clapton, The Rolling Stones, Jimi Hendrix, Pink Floyd, The Beatles, Queen e The Who (só para citar alguns). Pesquisador de timbres, equipamentos musicais e guitarrista de mão-cheia, há mais de vinte anos resolveu transformar sua paixão em negócio: fundou a MG Music – uma empresa especializada em fabricar pedais e amplificadores com uma “pegada vintage” –, que apresentam características marcadas pela irreverência, qualidade e exclusividade.

O resultado de sua dedicação foi reconhecido por músicos do quilate de Noel Gallagher (Oasis e High Flying Birds), Brian Molko (Placebo), Kevin Shields (My Bloddy Valentine e Primal Scream), Billy Corgan (Smashing Pumpkins), Tomo Milicevic (Thirty Seconds to Mars), Jr. Tostoi (Lenine), Lulu Santos, Gabriel Thomaz (Autoramas), Rodrigo Suricato (Barão Vermelho), Lúcio Maia (Nação Zumbi), dentre outros grandes artistas.

Ao longo da entrevista, ele nos contou sobre os primórdios da MG Music, falou sobre os diferenciais dos produtos comercializados pela marca, o sucesso dos produtos vintage no mercado e muito mais.

 

 

Como e quando começou a história da MG Music?

Marcelo Giangrande: A história da MG Music começou na Califórnia, em 1998. Nesta época, abri lá uma empresa de venda por atacado, e a partir daí, comecei a representar empresas americanas que fabricavam peças de reposição para guitarras e amplificadores. Em seguida, comecei a montar meus amps e pedais a partir de 2002.

Qual foi o primeiro amplificador que você construiu? E o primeiro pedal?

Marcelo Giangrande: O primeiro amp que construí foi um Astoria (Tweed Twin low power) de 40 watts com a ajuda do Carlos Alberto “Sossego” Lopes. Já o primeiro pedal foi o The Drive.

 Quais são os grandes diferenciais dos produtos MG Music?

Marcelo Giangrande: Usamos matéria-prima de primeira. Empregamos componentes sofisticados e NOS (new old stock) respeitando as características conceituais dos produtos, nossa montagem é criteriosa e robusta. Também prezamos pela estética de nossos produtos e trabalhamos com excelentes artistas plásticos e gráficos. Enfim, primamos pelo bom gosto, irreverência e colocamos nossa alma em cada produto.

Mesmo com a tecnologia atual, os amplificadores valvulados vintage ainda são muito cobiçados pelos músicos. A que você atribui esse sucesso?

Marcelo Giangrande: Atribuo às sonoridades ouvidas nas gravações dos artistas e bandas de preferência de cada pessoa, pois geralmente são clássicos que se tornaram referência. Além disso, quando uma pessoa gasta seu precioso tempo produzindo algo exclusivo para o cliente, geralmente feito com muito amor e dedicação, o resultado não tem como dar errado: você sente isso saindo pelos alto-falantes. 

 Você também fabrica alguns componentes que integram os amplificadores? Alguma razão especial para isso?

Marcelo Giangrande: Sim. No caso dos capacitores à óleo, eles “aumentam o tamanho da sala”, é como se você aumentasse o espectro sonoro, especialmente no caso dos amplificadores. É algo mágico e único. Não tem outra definição. 

Com relação aos pedais, nos fuzz box e overdrives eles trazem um distorção extra muito bem vinda, além de um timbre mais redondo e musical. Já nos amplificadores de áudio hi-fi, eu acho que a diferença é ainda maior, mas como não sou audiófilo, e menos ainda, audiota, não posso dar uma opinião mais técnica, mas a diferença é muito grande (pra melhor).

Quais são os amplificadores e pedais mais procurados da sua linha de produtos?

Marcelo Giangrande: Pedais: That’s Echo Folks (with pigstail analog delay), Monovibe e o Midnight Rambler Overdrive. Daqui a pouco, quando chegar nas mãos de algum guitarrista ou baixista mais pirado, será o Parliament Envelope Filterfuzz

Os amplificadores e pedais são vendidos sob encomenda ou você mantém estoque?

Marcelo Giangrande: Temos estoque da maioria dos produtos, tanto amplificadores quanto pedais. 

Como comprar os produtos MG Music?

Marcelo Giangrande: Os produtos podem ser adquiridos direto comigo, via loja do Facebook ou no próprio site MG Music. Vendemos de forma parcelada ou à vista.

Você participou da última edição da Feira Music Show, certo? Conte-nos como foi a sua experiência.

Marcelo Giagrande: Participei. Foi uma experiência interessante porque um número maior de pessoas viu nosso trabalho e também o de outros handmades. Entretanto, apenas a título de sugestão construtiva, acho que a feira precisa de alguns ajustes, pois o barulho fica terrível para quem fica lá dentro por oito horas, durante quatro ou cinco dias. Mas muita gente nos conheceu lá e foram feitos contatos comerciais muito interessantes.

Algum lançamento de produto no horizonte?

Marcelo Giangrande: Com relação aos pedais, teremos a volta do famoso Wah-Wah Stax Rocks em algum momento e um Reverber Chic. No que tange aos amplificadores, uma versão modernosa do Teenage Wasteland Amp (nas próximas semanas estará disponível em nosso site). Também está na pauta a volta do alto-falante alnico MG. Tomara!

Mais informações no site, FacebookInstagram e Youtube da MG Music.

 

*Autor: Álvaro Silva, apaixonado por música, guitarra e luteria. Criador do blog Guitarras Made In BraSil, espaço dedicado à divulgação dos trabalhos de profissionais brasileiros que produzem guitarras, contrabaixos e violões custom shop.