23 anos de história da Eros Alto-falantes 

23 anos de história da Eros Alto-falantes 

por 02/11/2020

Mais um ano chegou para a reconhecida Eros Alto-falantes. A empresa fez 23 anos como negócio independente em setembro e comemorou com seus fundadores e funcionários.

Dia 16 de setembro foi a data que marcou os 23 anos da Eros como negócio independente, “pois já atuávamos na fabricação de alto-falantes desde 1982. Este ano, em especial, apesar de todas as incertezas que esse momento único trouxe a todos, estar com a empresa ativa já é de grande valia e passar essa data em pleno funcionamento, com capacidade produtiva total, é extremamente gratificante”, disse Raul del Trejo, diretor da Eros Alto-falantes.  

Devido às limitações e restrições, a data foi comemorada de uma maneira bem simples, com um café da manhã para toda a equipe interna. “Era imprescindível que fosse feito algo, pois é uma data a ser celebrada sempre”, adicionou.

Quer conhecer mais sobre a atualidade da empresa? Raul conta mais aqui.

Comemoração com a equipe interna da empresa

M&M: Se pudessem fazer um balanço desde setembro de ano passado até hoje, o que mudou nesse último ano?

Tudo mudou. Período de adaptações quase que diárias a situações de mercado, com aprendizado acelerado de toda tecnologia de comunicação disponível, e que não terá volta, mas que nos trouxe muito mais proximidade e agilidade em nossos contatos.

M&M: Como tem sido o trabalho na fábrica desde o início da pandemia até agora?

Em nossa região (Oeste Paulista) fomos praticamente a primeira empresa a agir e se adaptar, atendendo a todas as medidas de prevenção e controle, tanto internas, referentes aos setores produtivos, quanto ao convívio social dentro da empresa e também quanto às regras de visitação, mantendo assim nossos índices de contágio baixíssimos. No que diz respeito a produção industrial e abastecimento do mercado, por termos um planejamento amplo e estrategicamente elaborado em conjunto com nossos fornecedores parceiros, enfrentamos com efeitos mínimos o desabastecimento que ocorre em todo setor da cadeia produtiva primária.

M&M: Quais as expectativas da Eros para este ano? Conseguiram obter os resultados desejados?

Apesar de todas as particularidades delicadíssimas do primeiro semestre, estamos trabalhando contínua e arduamente para atingir a plena recuperação do ano. A realidade, desde o início do segundo semestre, está se mostrando algo surpreendente. Estamos aproveitando essa oportunidade em sua plenitude, tanto produtivamente como em nossa atuação no mercado.

M&M: O que está acontecendo no mercado de áudio hoje?

De início foi um grande susto para todos, mediante todas as incertezas, mas com o decorrer do tempo, vimos a realidade do som automotivo bem diferente do áudio profissional. Apesar de todas as restrições, o isolamento social trouxe foco na continuidade na execução dos projetos para estarem prontos no momento oportuno.

M&M: Que tipo de apoio a Eros deu a esses profissionais, empresas ou até a lojas revendedoras?

Nosso apoio é contínuo, desde ações comerciais junto a nossos revendedores, específicas para o momento, assim como todo o suporte técnico, que se estende desde o apoio ao distribuidor até o projeto final dos consumidores do nosso produto, ajudando-os a manter os seus negócios ativos para que eles também possam atravessar essa fase tão delicada.

M&M: O que há para próximo ano?

Inicialmente a ideia é manter a firmeza nos nossos negócios como estamos tendo neste momento, com muita agilidade nas reações de mercado e flexibilidade nas ações internas, mostrando nossa total capacidade como empresa de sermos totalmente adaptativos.

Acreditamos não somente na recuperação plena das atividades do mercado em geral, como no restabelecimento de tudo aquilo que faz parte do nosso dia a dia, mesmo que de uma maneira diferente, mas que com certeza será positiva.

 

Equipe da Eros Alto-Falantes no dia do aniversário