11 maneiras de melhorar a configuração de monitorização no seu home studio

11 maneiras de melhorar a configuração de monitorização no seu home studio

by 03/06/2020

Você comprou as caixas corretas e as colocou nos lugares corretos. Agora é hora de levar sua monitorização para o próximo nível.

Há muito a considerar ao configurar um par de monitores de estúdio, além dos alto-falantes e seu posicionamento básico.

Neste guia, reunimos 11 dicas, técnicas e idéias comprovadas para você trabalhar, com o objetivo final de otimizar a precisão do que você ouve nas sessões de mixagem e masterização.

1. Use um segundo par

Alternar entre diferentes pares de alto-falantes pode ser revelador e confuso, e certamente não recomendamos que você passe o dia todo indo de um para o outro. Mas ter outro par de monitores à mão pode dar uma perspectiva diferente, lançando uma nova luz sobre uma mixagem de tempos em tempos.

2. Níveis de monitorização

É fácil culpar nosso equipamento ou espaço por não obter o resultado desejado, mas nosso próprio comportamento é frequentemente o culpado. Mantenha seu nível de monitorização razoável e consistente na maioria das vezes, mas não se esqueça de verificar a mixagem em níveis baixos, particularmente útil ao tentar ajustar o balanço dos principais instrumentos e vocais e em níveis altos, para ouvir como sua faixa soa em uma escala muito maior.

Além disso, para obter uma verdadeira perspectiva de “clube”, tente elevar o nível master imediatamente e depois ouça de outro cômodo da sua casa!

3. Modo de cálculo

Use o software de cálculo no modo ambiente para estabelecer quais frequências podem ser problemáticas em seu espaço específico. Digite as dimensões da sua sala e a calculadora listará as frequências que devem ser problemáticas e quão fortes serão esses modos. Mesmo que você não consiga resolver esses problemas completamente, pelo menos saberá quais frequências procurar.

4. Referência em um dispositivo pequeno

Engenheiros de mixagem profissionais gostam de checar suas faixas em pequenos monitores de rádio como Auratones (também conhecidos como “Horrortones”) para garantir que a mixagem seja traduzida corretamente em sistemas menores. Como tablets e smartphones agora são os principais dispositivos de reprodução para muitas pessoas, verifique se o seu mix soa bem – não, ótimo! – em alto-falantes e monitores pequenos!

5. Obtenha um plugin de correção de sala

Se você estiver em um estúdio particularmente complicado, como uma pequena sala quadrada ou um espaço em forma de L, vale a pena investir em um plug-in de correção de sala. Opções como o ARC 3 da IK Multimedia e o Sonarworks Reference Speaker são vendidos como kits completos que incluem um microfone de calibração adequado, para que você não possa errar.

 

 

6. Esteja ciente do “comb filtering” na área de trabalho

Muitos de nós não temos um espaço aberto na frente de nossos monitores e, na melhor das hipóteses, haverá uma mesa limpa. Isso cria reflexões adicionais e mais picos e possíveis lacunas na posição de audição. Uma solução é elevar levemente os monitores; até 10 cm podem ser úteis.

7. Medidas extremas

Se você seguiu nosso conselho sobre como configurar sua posição de escuta, procure uma fita métrica e mapeie-a. Não se esqueça de incluir também a medição do teto ao chão.

8. Móveis como tratamento de sala

Se você esvaziar seu quarto para tratá-lo do zero com painéis e armadilhas para graves, criou um espaço surpreendentemente reverberante. Móveis, tapetes e cortinas absorvem o som, e as prateleiras ajudam a espalhar o som. Geralmente, é melhor deixá-los na sala e adicionar painéis para ajustar as coisas.

9. Crie seus próprios painéis

Se você tiver tempo livre, a construção de painéis básicos de banda larga e armadilhas para graves é bastante simples e utiliza materiais de construção amplamente disponíveis. O método preferido é lã de rocha dentro de um quadro básico coberto com um pano transparente ao som. Opte por lã de rocha mais densa (80 ou 100 kg/m3), pois é bastante rígida, para que o seu quadro possa ser mais leve.

10. Verifique sua sala

Embora as dimensões da sala possam revelar modos teóricos, testar o espaço revelará seu comportamento real. O Room EQ Wizard é um aplicativo para Mac e PC, e tudo o que você precisa adicionar é um microfone omnidirecional. Os gráficos resultantes de frequência, cascata e curva de energia/tempo podem ser usados ​​para avaliar problemas.

 

mainscreen REW

Janela principal – REW

 

11. Obtenha um medidor de SPL

A monitorização por longos períodos em níveis altos é contraproducente para o julgamento de mixagem e balanço e prejudica sua audição. Atualmente, existem muitos aplicativos capazes de medir os níveis de som (SPL) de maneira bastante competente. Em alguns países, o nível de trabalho recomendado é de 85 dB SPL ou menos em seus ouvidos, embora acreditemos que a exposição contínua nesse nível seja bastante exaustiva.

 

Publicado por Computer Music no site MusicRadar.

Tradução e adaptação de texto: Música & Mercado