Fidelização de cliente é foco na Casa do Músico

Fidelização de cliente é foco na Casa do Músico
Janeiro 19 14:31 2018

Uma loja com produtos legais, preços acessíveis e bom atendimento que atrai clientes de várias cidades no interior de São Paulo

A Casa do Músico foi inaugurada em 18 de junho de 2011 em Chavantes, cidade com pouco mais de 12 mil habitantes no interior de São Paulo, partindo de um sonho do então jovem empresário James Barbosa, com apenas 22 anos. Com facilidades no pagamento e atendimento diferenciado, a loja foi ganhando destaque e caindo no gosto dos músicos da região. Hoje atende cerca de 20 municípios da redondeza e realiza entregas agendadas para cidades a até 30 km de distância.

“Desde 2011 temos conseguido fidelizar nossos clientes, e isso tem sido muito importante para o crescimento da empresa. O feedback desse trabalho tem gerado bons resultados ano após ano”, disse James Barbosa, proprietário.

Dentro da loja

Com ampla variedade de equipamentos, hoje praticamente 50% dos instrumentos de cordas disponíveis na loja são Tagima e Memphis, e os outros 50% são de marcas variadas, como Strinberg, Takamine, Yamaha, Washburn, SX, Squier, ESP Ltd, Michael, Giannini, Jahnke e mais. Mas a Casa do Músico também tem amplificadores Meteoro e Marshall, marcas de áudio como Behringer, Mackie, TSI, Shure, Ciclotron, Wattsom, CSR, Voxstorm, Mark Audio, WLS, AKG, Santo Angelo, Tiaflex e HJH, instrumentos de sopro Jahnke, Dolphin, Weril e Yamaha, e instrumentos de teclas Yamaha e Tokai.

Há ainda outras marcas nacionais no catálogo, como RMV, Krest, Orion, Izzo, Datrel e Tokai. “No geral, por questão de preço, as marcas nacionais acabam vendendo relativamente bem, quando comparado seu valor com produtos importados de qualidade equivalente. Mas quando o cliente é muito exigente e não se preocupa com preço, na grande maioria das vezes o que acaba vendendo é o produto importado”, comentou James, destacando que os produtos mais procurados na loja atualmente são os violões para iniciantes, as caixas com USB, conectores e fios/cabos em geral, microfones de até R$ 150, acessórios para violão, percussão, áudio e instrumento de sopro.

Leia também:  Eagle apresenta novos modelos para a série Master

Outros serviços

Além da venda de equipamentos, a Casa do Músico conta com outros serviços destacados para os clientes, como montagem e manutenção de cabos/multicabos, em que o cliente escolhe o cabo, a quantidade e os conectores e a loja monta de acordo com a necessidade, sejam cabos P10, multicabo, RCA, P2, XLR, entre outros.

Também realizam projetos e instalações. Visitam o local onde o cliente deseja instalar o som, analisam quanto o cliente está disposto a investir, fazem um projeto e executam o serviço. Além disso, a loja realiza análise de espectro para os projetos de áudio.

O serviço de luthieria Tamise está presente na loja para troca de cordas, polimento dos trastes, limpeza e hidratação das escalas, polimento do corpo e braço do instrumento, e pequenas regulagens.

“O que eu prezo muito é a questão de nossos vendedores não forçarem a venda, deixarem o cliente à vontade na loja, estando ali apenas para ouvi-lo, orientá-lo e sanar suas dúvidas, e claro, por um preço justo. Antes de ser lojista, fui cliente por muito tempo de certa loja, e uma das coisas que marcou era a necessidade que o vendedor tinha de ‘empurrar’ algo para eu comprar. Acabava sendo inconveniente e irritante a maneira como me atendiam. Acho que esse seria o principal diferencial”, destacou o proprietário.

Só na loja física

Ainda que hoje só atue como loja física, a Casa do Músico fez uma tentativa de viabilizar uma loja on-line no passado. James explica: “Tivemos um ano de experiência com loja on-line, porém administrar acabava tomando muito tempo e exigia um rigoroso controle de estoque da loja física, vinculado com o estoque da loja virtual. Interessante sempre é, porém exige tempo e dedicação, quem sabe no futuro voltamos. Por enquanto temos anunciado no Mercado Livre, em que a visibilidade é bem maior e não precisa ter muitos produtos cadastrados. Toda semana acontece pelo menos uma venda”.

Leia também:  Yamaha Musical do Brasil estará realizando Music Feelings em SC

Uma ferramenta que James usa é o Facebook, que ajudou a fazer a empresa se destacar na internet. Todo produto recebido é postado na página do Facebook, e isso sempre gera diversas reações, comentários, curtidas, pessoas marcando amigos para verem uma publicação em especial e mais. “Tem sido uma boa vitrine. Consigo direcionar a propaganda especificamente para pessoas que têm interesse de ver um determinado tipo de publicação.”

Mas a loja física, com a ajuda do Facebook, também tem se tornado atraente para os clientes das cidades mais próximas de Chavantes, pois atualmente 80% das vendas são para os municípios vizinhos. Em um raio de 50 km há quase 20 cidades, como Ourinhos, Santa Cruz do Rio Pardo, Ipaussu, Avaré, Pirajú e, no estado do Paraná, a loja é vizinha de Ribeirão Claro, Jacarezinho e Carlópolis, entre outras.

“Pensamos continuar fazendo nosso trabalho da mesma maneira que temos feito até agora: honestamente e dando total atenção para o cliente. O crescimento vem como consequência”, destacou.

“O ano de 2016 foi difícil para todos os tipos de clientes. Em 2017 percebemos que bandas e cantores de barzinhos continuam inseguros com o momento de instabilidade do País. Por outro lado, tivemos uma melhora significativa nas vendas para músicos do segmento gospel e igrejas de todos os portes”, concluiu Barbosa.

Mais informações: www.casadomusico.com.br

www.facebook.com/casadomusico

www.youtube.com/casadomusico

Comentários
view more articles

About Article Author

Redacao MM
Redacao MM

Música & Mercado é uma revista empenhada em promover e divulgar o mercado e negócios para a indústria de áudio profissional, iluminação e instrumentos musicais. Nós amamos o que fazemos.

View More Articles