Tonante retorna ao mercado, desta vez com a distribuidora Oderço

Tonante retorna ao mercado, desta vez com a distribuidora Oderço

por 30/08/2021

Marca legendária Tonante lança novos modelos e volta a disputar o mercado violão e guitarras

A Tonante foi um dos símbolos de violão e guitarra acessíveis no mercado brasileiro. Com o fechamento da fábrica, situada em Itupeva, interior de São Paulo, a marca foi adquirida pela Dylan do Brasil. Em 2020, Nicacio Galdino, proprietário da Dylan, vendeu a marca Tonante para a distribuidora Oderço, situada em Maringá, no Paraná. 

Tratamento de choque

Fundada em 1954, a Tonante teve sua trajetória baseada em produtos de alto giro e baixo valor agregado, com a aquisição da Oderço, os modelos de violão e guitarra aparecem repaginados, logotipo renovado, e disposta a buscar sua fatia no mercado. “Respeitamos o passado, porém, estamos com foco total no presente e futuro, com qualidade, custo acessível e todos os benefícios possíveis”, explica Takeo Motoyama, gerente de marketing da Oderço. 

“A aquisição da Tonante é resultado dessa vivência da Oderço somada à admiração que temos com uma das marcas mais importantes para história de muitos músicos consagrados. Portanto, relançar a Tonante para nós representa uma oportunidade de negócio e ao mesmo tempo um tributo à marca, e nosso desejo é que ela volte a construir muitas histórias na música”, explica Matheus Matos, presidente da empresa.

A empresa está baseando sua campanha de mercado através do viés “Cult, cultura pop e aquele sentimento nostálgico. Este foi um dos motivos de termos feito o rebrand do logotipo da Tonante”, detalha Takeo.

Takeo explica que está posicionando o produto para concorrer na preferência dos clientes de marcas como Tagima, Michael, Giannini entre outras. 

“Trabalhar com instrumentos musicais também está no DNA da Oderço. Além de sermos referência nacional na distribuição de equipamentos de informática e eletrônicos, nós sempre trabalhamos com produtos e acessórios musicais de outras marcas do mercado”, explica Matos, presidente da Oderço.

Desafios da nova Tonante

Considerando os anos de história da marca, a nova Tonante tem muitos desafios. O mercado é outro, há uma imensa oferta de produtos no setor e é necessário um reposicionamento de imagem. A Música & Mercado apurou com os gerentes da Oderço a vontade de criar uma nova história com a Tonante. “Nesse hiato de anos em que a marca esteve fora do mercado, vimos que será necessário se reinventar. Temos um olhar para o passado, foco no presente e objetivos para o futuro. Montamos um time de especialistas que estão direcionados em criar novos produtos e muitos deles serão surpreendentes”,  enfatiza Uiliam Santos, gerente de produtos da Oderço.

Cases de produtos entry-level que se tornaram hits históricos não faltam: das sandálias Havaianas ao sabonete Phebo, ou mesmo lojas, como a Casas Bahia. Com um bom marketing, preço equilibrado no produto e disposição, a Oderço tem grande possibilidade de reconquistar a fatia de mercado que almeja, pelo lojista e consumidor. 

Modelos

“Para este lote inicial, criamos primeiro uma série de entrada, excelente custo benefício para quem quer se iniciar no ramo da música e tocar seus primeiros acordes”, diz Alfredo Gomez, especialista de produtos Tonante. “Todas as nossas guitarras e instrumentos passam por um processo de inspeção nos processos de qualidade e escolhemos as madeiras, componentes, etc com ótimos critérios”, finaliza.

A nova Tonante apresenta cinco modelos de violões com preço sugerido ao consumidor final entre R$799,00 a R$899,00. Além de um modelo de guitarra estilo Strato, com quatro cores disponíveis  e preço sugerido de venda R$799,00 a R$899,00.

Tonante
Tonante
Violões Tonante 2021: nova fase da marca

Onde comprar:
Oderço (44) 2101-1400


Leia também: