Música para quem vive de música – Volume 6

Música para quem vive de música – Volume 6

por 05/08/2020

Continuamos apresentando grandes discos e filmes para sua cultura musical. Hoje temos Cabaret Voltaire, Funkadelic e Stooges.

Cabaret Voltaire, CODE, 1987

 

cabaret

Alemães e ingleses vivem inventando coisas independente e simultaneamente, como o computador digital e o avião a jato. No Techno temos o Cabaret Voltaire, o “Kraftwerk britânico” surgido em 1973. Destaque para a percussão eletrônica programada por Richard H.Kirk, que, ao lado do alemão Ralf Hutter criou a nova música eletrônica contemporânea.

Funkadelic, Funkadelic, 1970

 

funkadelic

O marco zero do funk psicodélico e irmão gêmeo de “Band of Gypsys”. Sob regência de George Clinton, Eddie Hazel, Tawl Ross, Billy “Bass” Nelson e Ramon “Tiki” Fulwood foram pioneiros do black and roll. Para ouvir alto e com subwoofers, os vizinhos vão querer chegar junto.

Stooges, Fun House, 1970

 

stooges

 

Segundo disco dos pioneiros do punk. Som cru e poderoso sob a regência do indestrutível Iggy Pop.  Inicialmente um fracasso comercial, se tornou um disco cult que influenciou as três gerações seguintes. Soa como uma sessão de sexo animal. Um puta disco monstro.

*Autor: Alexandre Algranti, veterano do mercado latinoamericano de eletroacústica e colecionador de discos. Contato: alexandre.algranti@hotmail.com