Review do Leitor

Colabore com a comunidade musical.

Search
Maximize seus lucros com criptomoedas usando as ferramentas avançadas do Neoprofit AI.

Sérgio Britto customiza piano da Casio para turnê de 40 anos dos Titãs

O músico Sérgio Britto vem usando teclados da Casio desde 1984 e agora escolheu o modelo AP-710 personalizado para acompanhar ele na atual turnê dos Titãs.

A turnê de 40 anos dos Titãs tem levado o público a emoções, despertado memórias e arrepios em um encontro mais que especial entre os fãs e os seis integrantes da banda mais popular do Brasil. Os sucessos, resumidos em mais de 30 canções, proporcionam uma experiência única para quem estava com saudades da banda no palco. Todas as 21 apresentações no País até junho, além do show em Portugal em novembro, terão a companhia de um piano da Casio, afinal, Sergio Britto é um dos endorsers da marca. 

Sérgio Britto já utilizava alguns modelos da Casio desde o início da carreira, em 1984. “O meu primeiro teclado nos Titãs foi um Casio. Gravei todo o primeiro disco com ele”, relembra o músico de grandes hits. Algum tempo depois, a marca e o artista estreitaram a relação e então Sérgio se tornou oficialmente um artista Casio. Atualmente utiliza diversos modelos da linha de pianos em shows, apresentações e ensaios.

Nos palcos 

O endorser da Casio Teclados está utilizando na turnê dois modelos AP-710, sendo um deles exclusivo e customizado em tom de vermelho especialmente para a tour, para seguir a identidade visual da turnê. Os recém lançados PX-S6000 e PX-S7000 também acompanham o pianista. Sergio Britto foi um dos primeiros músicos no Brasil a experimentar os novos modelos. 

“A Linha Privia é versátil e de excelente qualidade sonora, além de possuir o melhor da tecnologia e qualidade da Casio. Para completar, os timbres são perfeitamente incorporados às músicas dos Titãs”, enfatiza o comunicado oficial. 

Destaque para os tons de pianos C. Bechstein no modelo AP-710, e timbres “best hits” no modelo PX-S7000, por se tratar de um grupo de sons de piano acústico e piano elétrico cuidadosamente elaborados, iguais aos que são ouvidos em músicas de sucesso reconhecidas mundialmente.

“Essa turnê tem vários aspectos, ela é uma celebração do nosso encontro, da nossa amizade e da nossa obra, das músicas e das coisas que a gente produziu juntos durante esses 40 anos de carreira, que deixaram uma marca na música popular brasileira. Acho que muitas dessas canções fazem parte da vida emocional das pessoas”, afirma Sergio.

Nas composições 

No momento de criação, Sergio utiliza em casa o Grand Hybrid (GP-510), que fez parte por exemplo da composição Epifania. “É um instrumento marcante, o mais belo som de piano que a Casio tem. Um outro que me marcou, mas é um muito antigo, da época que a Casio estava começando a desenvolver instrumentos musicais é o MT-70, que gravei o hit Sonífera Ilha há mais de 40 anos”, relembra.

Para Sergio Britto, a Casio concorre com todas as marcas de teclados profissionais em igualdade e com uma evolução de tecnologia inquestionável, e destaca, entre as vantagens, a experiência única. “O instrumento é gostoso de tocar, tem teclas com peso que eu gosto, me sinto bem e facilitam a execução. Os timbres, obviamente, principalmente aqueles que eu considero muito especiais e também a praticidade, afinal são instrumentos versáteis, com várias possibilidades”, conclui. 

Patricia Bacan, gerente de marketing da Casio, afirma que ter os pianos da marca no palco de uma banda icônica do cenário nacional, como os Titãs, significa associar o nome a um grupo musical renomado e admirado pelo público. “Essa associação reforça a qualidade e a credibilidade dos nossos produtos, estabelecendo um vínculo positivo com a marca e fortalecendo a relação com os consumidores. Além disso, a turnê proporciona uma ampla exposição para um público diversificado e engajado, o que pode gerar novas oportunidades de negócios e expandir nossa presença no mercado”, destaca.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe um Comentário

Música & Mercado
Logo
Shopping cart