Conheça a LEMU – Liga das Escolas de Música

Conheça a LEMU – Liga das Escolas de Música

por 15/07/2019

A crise econômica que atinge a Cultura, Artes e a Música faz com que escolas de música e músicos, ousadamente, ofereçam aulas gratuitas tentando captar alunos. Mas entregar em doação a única coisa que podem vender pode não ser a melhor ideia.

Captura de Pantalla a las

A ideia central é uma ampla reunião das escolas de música brasileiras, e procura atender músicos e empresários do segmento do ensino musical, descontentes com a atual condição do mercado e procurando alternativas para divulgar os resultados do esforço didático de alunos e professores, sem chegar ao equívoco das aulas gratuitas como forma de prospectar alunos.

O aumento da captação de alunos e o incremento dos negócios relacionados ao cenário musical oferecem melhores condições do que certas estratégias que de certa formam corroboram a falsa ideia de que a música e as artes em geral são supérfluas e passíveis de retração, ou até mesmo eliminação em momentos de dificuldades de mercado.

Visando valorizar os cantores, músicos e bandas ligados às escolas, a LEMU idealizou a oferta de incentivos como premiações e cachês, aliados ao desenvolvimento da marca dos estabelecimentos de ensino como resposta à retração do mercado do ensino musical da seguinte forma:

1. Shows anuais com a participação dos alunos das escolas filiadas.
2. No decorrer deste período toda publicidade apresentará a marca das escolas e dos patrocinadores/apoiadores do projeto.
3. Esses shows ocorrerão em forma de festivais, com um ranking anual para o super prêmio ao término da temporada.
4. Tendo caráter amador, as participações serão exclusivas para alunos representando as escolas filiadas.
5. E para fomentar a competitividade gerando condições para todos, abrangerá as categorias infantil e jovem/adulto.
Esse projeto inovador já conquistou adeptos e hoje conta com o apoio do Bradesco e diversos artistas. Segundo Maurício Correia, músico multi-instrumentista e dono de escola de música, que está à frente da LEMU, esse projeto é o ponto de virada que o mercado precisa. “Temos que focar no aprendizado dos alunos e na qualidade de ensino e isso só será possível com o conceito de união entre as escolas”, complementa.

Anderson e Mauricio

O evento proposto é uma interface entre música, educação e tecnologia para criar conexões e gerar conteúdo, inovação e negócios. “Nosso objetivo é desenhar uma trilha que possa mudar a forma como nos relacionamos quando o assunto é arte e, especialmente, música” comenta Anderson Magoo, sócio de Maurício e um dos diretores do projeto.

Diante desse cenário surge então a ideia da filiação das escolas de música à LEMU, possibilitando sua atuação sem a necessidade de grandes investimentos. A iniciativa é da DRUIDE, agência de marketing cultural, que tem entre seus membros músicos e gestores de escolas de música preocupados com formas erradas de gratuidade que só pioram o aspecto econômico de seus empreendimentos.

A DRUIDE fica na Rua José de Oliveira 890, no bairro do Imirim, São Paulo/SP, CEP 02531-010, email [email protected] e site www.ligadasescolasdemusica.com.br, telefones (11) 4564-4964 / (11) 98548-3554. Não deixe que a riquíssima produção musical brasileira seja objeto de cessão gratuita, ela é uma commodity valiosa da indústria da música.

Comentários