Triton amplia seu catálogo de produtos por 14/11/2019

Conhecida no mercado de som automotivo, a Triton abriu seu caminho também no mercado de áudio profissional. E agora? A empresa lançou uma nova linha dedicada aos instrumentos musicais.

A Triton Alto-Falantes nasceu em 2011, fundada por profissionais do setor industrial de áudio. Nessa época, o foco da empresa era o mercado de som automotivo, onde já se destacava com seus produtos de alta potência.

Em 2014 a empresa foi adquirida e reestruturada pelo grupo Permak. Em 2016 foi contratada uma equipe de engenheiros com mais de 50 anos de experiência no mercado de áudio, o que possibilitou utilizar esse know-how para investir em tecnologia, fabricar e implementar maquinários e processos de produção exclusivos. “Consequentemente, melhoramos de forma exponencial a qualidade dos produtos automotivos e criamos o segmento de pro áudio, para atender o mercado nacional, que estava carente de produtos com preço competitivo e qualidade no nível dos produtos importados”, comentou Gilmar Garcia, diretor da empresa, junto a sua família, proprietários do Grupo Permak, com 37 anos de atuação no setor de peças e acessórios automotivos.

A empresa

A Triton é uma indústria especificamente de alto-falantes, e seu propósito é fornecer a ferramenta adequada para a experiência musical desejada pelo usuário. Para isso, fabrica uma linha completa para atender às necessidades regionais de todo o setor.

A linha é dividida em Triton Automotivo, Triton ProAudio e a mais nova linha Triton Live Session, de alto-falantes para instrumentos musicais.

Gilmar explica: “Apesar das divisões de linha automotiva e profissional, muitos de nossos produtos são utilizados em ambos os segmentos com bastante aceitação. A linha automotiva é focada em desempenho, resistência e alta potência. Esses produtos são utilizados em competições, nos famosos ‘paredões’ e também nos trios elétricos. A linha profissional é focada na eficiência, na confiabilidade, na versatilidade e na alta definição sonora. São utilizados em line arrays, sistemas de PA de grande e médio porte e atualmente também em sistemas automotivos de alta definição”.

“Já a linha para instrumentos musicais — apresentada na feira Music Show 2019 — é bem específica, na qual temos como referência os famosos alto-falantes ingleses e americanos que definiram o som da guitarra e do contrabaixo desde os anos 1960. Esse segmento é muito carente de produtos à altura dos grandes clássicos importados, e estamos confiantes de ter alcançado um resultado definitivamente comparável a eles, e com preço justo”, adicionou.

A fábrica

O parque fabril da Triton tem extensão de 9.100 metros de área construída, localizado na cidade de Regente Feijó, interior do estado de São Paulo, onde atualmente conta com mais de 70 colaboradores diretos.

A fábrica está em constante evolução tecnológica, em que todo ano são projetadas novas máquinas exclusivas, elaborados novos e melhorados processos de fabricação e expandidas as áreas de produção.

“Para alcançar a excelência que buscamos em nossos produtos, utilizamos matéria-prima de primeira qualidade, importada de todos os lugares do mundo, como Estados Unidos, Alemanha, Inglaterra, China, Taiwan, Japão e Índia. Estamos em constante pesquisa por novos materiais e processos para serem implementados em futuros produtos e também para melhorar os já existentes. É importante salientar que existem indústrias nacionais de primeira linha com as quais mantemos grandes parcerias há anos”, detalhou.

Além de ter linhas prontas, a empresa fabrica produtos sob encomenda. A grande demanda de produtos customizados vem do exterior, onde o “estilo” de alto-falante e aplicação que a empresa fornece é algo diferenciado. “Esse produto leva a nomenclatura OEM, em que o cliente escolhe o modelo de interesse em nossa linha de produtos, que pode ter seus parâmetros levemente modificados/sintonizados para sua necessidade, sendo personalizado com o logotipo e códigos/modelos próprios do comprador. Essa modalidade está disponível nacionalmente somente para indústrias de caixas acústicas.”

Todos os produtos OEM levam o nome do fabricante Triton em suas etiquetas.

Presença no mercado

O trabalho da Triton é direcionado para as indústrias de caixas acústicas e principais lojas de áudio profissional do País. Neste ano, a empresa optou em expor a marca na Music Show Experience, um evento específico para o público do áudio profissional e a indústria musical.

“O público final e os fabricantes puderam ter contato direto com o nosso produto e expor suas expectativas e ideias para nossa equipe, para assim iniciarmos os estudos de novos produtos”, disse Gilmar. “Prezamos pelo relacionamento sincero e saudável com nossos parceiros, pois as caixas acústicas e alto-falantes são totalmente dependentes entre si, são praticamente um organismo.”

A Triton atua com 16 representantes comerciais em todo o Brasil. As ações comerciais são realizadas com distribuidores do setor de som e acessórios automotivos e junto às principais lojas de áudio profissional.

Consultores técnicos fazem atendimento direcionado às indústrias e as ações comerciais são tratadas de forma especial devido ao processo de implantação de novos produtos.

No que diz respeito ao varejo, as vendas são feitas apenas para lojas especializadas do setor de áudio profissional. Por outro lado, a venda dos produtos por loja virtual é efetuada apenas por distribuidores e/ou lojistas do setor.

Mais crescimento

A empresa está percebendo maior fluxo de informação técnica disponível, o que fez com que o nível de conhecimento e interesse dos consumidores aumentasse. “Com as ideias a toda velocidade, a maior demanda que temos direcionada aos nossos produtos é a versatilidade ou o desempenho imbatível em uma aplicação específica. Pode soar um pouco contraditório, mas é o que acontece. O que procuramos fazer é pegar esse alto-falante de uso específico e expandir seus limites ao máximo possível para aumentar sua versatilidade”, comentou Gilmar.

Assim, as tendências atuais percebidas giram em torno de alto desempenho, materiais inovadores, aplicações versáteis, tamanho menor, junto com uma quantidade maior de alto-falantes em uma só aplicação, e continuamente o uso dos ímãs de neodímio para diminuir peso e tamanho.

Atendendo a essas necessidades, a empresa conseguiu abrir suas opções comerciais para outras regiões. Hoje a Triton exporta para diversos países da Europa, como Alemanha, República Tcheca e Espanha, e também para outros continentes, como a Ásia e as Américas do Norte e Central.

“No futuro continuaremos a expandir e inovar no mercado, com produtos novos e dedicados, que atendam às exigências de um público criterioso e que preza por qualidade. Vamos continuar a modernizar nossa fábrica, aumentando ainda mais a automatização e o controle de qualidade. Queremos oferecer um produto de qualidade internacional e com preço justo, firmando parcerias com fabricantes nacionais de forma que todos ganhem com isso: do fabricante ao consumidor final e, consequentemente, a indústria como um todo”, concluiu o diretor da empresa.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Comentários