Marcas de microfones e áudio lutam contra pirataria na China

Marcas de microfones e áudio lutam contra pirataria na China
março 19 16:27 2019

Operação policial em fábrica da China apreende produtos de áudio falsificados da Shure, Sennheiser, Yamaha e Harman.

A Shure acaba de anunciar que foi realizada em outubro de 2018 uma operação policial na Enping Soundpu Electronics Equipment (que também atua comercialmente como Voxpu Electronics Equipment), uma fábrica chinesa que falsifica equipamentos.

Bem-sucedida, a ação policial no local foi provocada por uma denúncia da Shure e realizada com intensa cooperação e assistência do Departamento de Segurança Pública de Enping e da Administração de Indústria e Comércio de Enping. A fábrica alvo da operação já é reincidente e conhecida falsificadora pelas autoridades legais de Enping. A Soundpu foi multada em agosto de 2018 pela Administração de Indústria e Comércio de Enping por falsificar microfones sem fio da Shure, encontrados em suas instalações durante uma investigação rotineira de mercado empreendida em abril do mesmo ano.

Além da Shure, outras empresas de áudio foram prejudicadas pelas atividades de falsificação, como Sennheiser, Yamaha e Harman. Estiveram entre os produtos apreendidos microfones e receptores sem fio, mesas de mixagem, amplificadores e processadores. A Shure já tomou as devidas providências para iniciar um processo penal contra o proprietário e os gerentes da Soundpu, considerando suas reiteradas atividades de falsificação e flagrante violação de direitos de propriedade intelectual.

“A falsificação é um problema permanente para a indústria de áudio, e seguimos vigilantes em nossos esforços para combatê-la”, afirmou Chris Schyvinck, presidente e CEO da Shure. “A Shure está profundamente comprometida em proteger nossos valiosos clientes de falsificações de baixa qualidade e assegurar-lhes unicamente a experiência de qualidade de um produto Shure autêntico quando adquirem equipamentos com a marca de nossa empresa.”

Sennheiser, Yamaha e Harman auxiliarão a Shure no processo penal que será aberto contra a Soundpu.

Leia também:  IK Multimedia apresenta iRig Mic HD-A e EZ Voice para Android

“A propriedade intelectual de todos nós foi prejudicada, e agradecemos imensamente a cooperação da Sennheiser, da Yamaha e da Harman nessa questão”, acrescentou Chris. “Incentivamos os clientes a comprarem todos esses produtos de áudio profissional somente de vendedores autorizados.”

“A pirataria de marcas e produtos é um problema que deve ser levado muito a sério. Assim como em outros setores, as empresas de áudio são afetadas pela falsificação de marcas comerciais e produtos, o que afeta marcas e bens manufaturados de alto valor”, declarou o Dr. Andreas Sennheiser, co-CEO da Sennheiser. “Produtos falsos não só prejudicam os clientes ao gerarem uma má experiência que não reflete a promessa da marca original”, explica Daniel Sennheiser, co-CEO da Sennheiser. “Essas falsificações baratas também deixam muito a desejar em matéria de qualidade e, em alguns casos, são inclusive perigosas. Isso prejudica o mercado como um todo, e valorizamos a iniciativa de ação conjunta contra violações para oferecer mais proteção aos clientes.”

“A Yamaha já tem tomado há muito tempo medidas contra a falsificação de produtos, como ações civis, batidas policiais e suspensões alfandegárias, além de publicar anúncios esclarecedores no mundo todo, especialmente na China”, explicou Takuya Nakata, presidente e diretor executivo representante da Yamaha Corporation. “Temos feito isso porque acreditamos firmemente que essas ações não só protegerão nossos clientes e usuários finais contra falsificações de baixa qualidade, mas também acabarão reforçando a confiança em nossas marcas e sua segurança. Agradecemos a oportunidade de trabalhar ao lado da Shure, da Sennheiser e da Harman para tornar essas medidas mais céleres.”

“A HARMAN tem o compromisso de proteger a integridade e a imagem de suas marcas, e não hesitará em defender-se vigorosamente contra o uso não autorizado de nossa propriedade intelectual”, afirmou Mohit Parasher, vice-presidente executivo e presidente da HARMAN Professional Solutions. “Nós seguiremos realizando parcerias e cooperando com importantes fabricantes do setor como Shure, Yamaha e Sennheiser, investigadores e autoridades legais do mundo todo para proteger nossos nomes, projetos e marcas comerciais. É fundamental que possamos garantir proteção contra produtos falsos a nossos clientes.”

Leia também:  Ivan Lins apresenta novos pianos Yamaha na web no dia 17 de abril

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Comentários
view more articles

About Article Author

Redacao MM
Redacao MM

Música & Mercado é uma revista empenhada em promover e divulgar o mercado e negócios para a indústria de áudio profissional, iluminação e instrumentos musicais. Nós amamos o que fazemos.

View More Articles