Gope investe em pessoas, produtos e processos para melhorar a eficiência por 24/02/2020

A Gope está desenvolvendo novas estratégias comerciais e de marketing para continuar com seu desenvolvimento local e internacional, além de novos materiais para trazer mais opções de instrumentos com visual e sonoridade inovadores.

Humberto, fundador da Gope

Tudo começou na década de 1940, quando Oswaldo Rodella montou um pequeno negócio de fabricação de estojos para acordeão. Naquela época recebia ajuda de seu filho, Humberto, então com 13 anos de idade, e de seu pai, Umberto. Os produtos tinham excelente qualidade, o que fez a famosa Casa Manon tornar-se um de seus principais clientes.
Por volta de 1957, Oswaldo, morador do bairro do Cambuci, em São Paulo, passou a ajudar a Escola de Samba Lavapés, doando tambores feitos com latas de condimento para que pudessem ensaiar. Foi assim que Humberto Rodella teve seu primeiro contato com o mundo da percussão.
Nos anos 1960, Marcelo Benedetti, cunhado de Oswaldo, percebendo as habilidades dele no manuseio da madeira e de tambores de lata, pediu que ele fizesse uma bateria, e assim surgiu a primeira bateria Gope, produzida manualmente por Oswaldo Rodella com tambores de madeira e pele animal. Marcelo levou o instrumento para Poços de Caldas (MG) e a aceitação dos bateristas da região foi imediata! Já no primeiro mês, Oswaldo recebeu três encomendas de bateria. A partir daí, o espírito empreendedor do Humberto foi ainda mais estimulado, dando início ao que seria a futura Gope Instrumentos Musicais.

Foco na percussão

Após o sucesso das baterias, Humberto percebeu uma excelente oportunidade e passou a se dedicar aos instrumentos de percussão em geral. Em 9 de maio de 1962, dia em que completava 21 anos, Humberto Henrique Rodella fundou a empresa Gope Instrumentos Musicais, localizada na Rua Sinimbu, no bairro da Liberdade, em São Paulo. Com o crescimento exponencial na década de 1980, foi inaugurada uma nova planta fabril em Embu Guaçu (SP).

“A Gope construiu, ao longo de mais de 60 anos de existência, uma história de inovação e sucesso. Prova disso é a frequência com que nossos novos produtos e modelos são rapidamente absorvidos pela concorrência. Essa caraterística de criatividade e inovação, que é uma das marcas registradas do sr. Humberto, é um dos nossos principais diferenciais. A Gope é uma empresa que busca estar à frente do seu tempo da criação dos produtos aos métodos de fabricação, passando pelas inovações em marketing e vendas”, conta Narjara Campos Rodella, CEO da Gope.

Atualmente os instrumentos são fabricados por pessoas comprometidas, engajadas e apaixonados pelo que fazem. A fábrica ocupa uma área com mais de 6 mil m2 na cidade de Embu Guaçu, onde é produzida uma ampla linha de instrumentos de percussão de metal e madeira, como também cornetas e cornetões, pratos de fanfarra, acessórios e peles de percussão e bateria.

“Nossa filosofia é criar e fabricar instrumentos musicais de alta qualidade, acessíveis e que levam em cada componente alma, sentimento e emoção. Transmitimos alegria e felicidade em tudo que fazemos, respeitando em primeiro lugar os nossos clientes e colaboradores. Isso automaticamente se reflete na qualidade dos produtos. Somos um equipe unida e engajada que ama o que faz. Amamos a nossa marca”, agregou.

No Brasil e fora

Vivian Caroline da Didá

A marca Gope é muito forte e reconhecida tanto no Brasil quanto em diversas partes do mundo. A empresa produz e exporta exclusivamente sua marca por meio de distribuidores e lojas parceiras em vários países, e toda a sua linha de produtos está disponível para venda também no exterior.

“A Gope tem a inovação no seu DNA. Isso vem desde a sua fundação. Eu sigo o legado do meu pai, buscando diariamente a inovação, a altíssima qualidade nos produtos, a eficiência e a modernização nos processos produtivos. Estamos sempre atentos às tendências de comportamento do público consumidor de percussão tanto no nosso país quanto fora”, enfatizou Narjara.
Ela explicou que atualmente os percussionistas estão pedindo qualidade, durabilidade e leveza; e, graças às novas tecnologias, a empresa está desenvolvendo novos materiais que trarão mais sons e mais timbres para que a imaginação dos músicos não tenha limites.

Além disso, a empresa está com novas parcerias em andamento, com o objetivo de modernizar a marca perante o público e reforçar toda a expertise que tem em percussão. “Queremos que nossa marca bata no compasso do coração de cada músico no Brasil.”

Um ponto destacado entre as ações que a Gope realiza é o apoio aos programas de percussão feminina. Narjara contou: “Podemos falar horas sobre esse assunto. O apoio dado à Banda Didá tem uma dimensão muito especial. Inicialmente por conta do vínculo de amizade entre o grande mestre Neguinho do Samba e Humberto. Foi Neguinho do Samba que criou o samba-reggae e, mais tarde, por volta de 1993, a Banda Didá. Ela é um marco nas narrativas de empoderamento feminino. É a primeira banda de samba-reggae protagonizada exclusivamente por mulheres negras e que tem um trabalho social fundamental no Pelourinho. As peles que elaboramos para a Didá atendem também ao projeto social que elas mantêm. Dessa maneira, a pele chega para mulheres de todas as idades, inclusive crianças. Em 2017, a Gope criou uma linha de instrumentos na cor mais significativa para a Banda Didá, o vermelho. Essa linha de instrumentos está sendo usada por elas em suas apresentações e vem causando um impacto nunca visto antes”.

Para 2020

Pandeiro Super Leve

Mais recentemente a Gope realizou dois lançamentos importantes: a linha Stories e o pandeiro Super Leve. “O sucesso de ambos está sendo absoluto. Ousamos e inovamos nas cores dos nossos produtos, conquistando os corações dos músicos mais criativos e que buscam a excelente sonoridade dos instrumentos Gope aliados a visuais diferenciados”, disse.

A linha Stories apresenta opções de cores atraentes e diferentes das encontradas no mercado, como neon verde, laranja e rosa.

O pandeiro Super Leve tem uma estrutura innovadora e revestida com materiais diferenciados e produzidos nos tamanhos 10”, 11” e 12”. A versão de 12” pesa apenas 580 gramas. Toda a linha está disponível em diferentes cores.

“Temos excelentes expectativas para 2020. Estamos trabalhando fortemente para expandir nossa participação de mercado no Brasil e fortalecer ainda mais nossa presença pelo mundo. A Gope tem passado por um intenso processo de transformação que tem como objetivo tornar a empresa ainda mais eficiente, investindo em inovação, tecnologia e novos processos produtivos. Estamos trabalhando de forma incansável para atingir os nossos objetivos”, finalizou Narjara. Aguardamos mais novidades em breve!