D.A.S. Audio com mudanças no Brasil

D.A.S. Audio com mudanças no Brasil
agosto 03 14:49 2016

 

Ano passado a empresa decidiu abrir um escritório próprio no Brasil e este ano anunciaram a finalização do seu relacionamento comercial com a Decomac. Qual é a situação hoje?

Durante a AES Brasil Expo, a D.A.S do Brasil teve seu próprio estande mais uma vez — a abertura desta filial tinha sido anunciada na feira Expomusic no ano passado — e dessa vez sem a colaboração da Decomac, empresa que distribuiu a marca durante duas décadas. Muito foram os burburinhos ao redor dessas mudanças, e ninguém melhor do que Gonzalo Aguirre, diretor da marca para a América Latina, para esclarecer as dúvidas e falar sobre a situação da empresa hoje, não só no Brasil mas em toda a região.

 

Gonzalo Aguirre, Manuel Peris (CEO) e Eduardo Lopez

Gonzalo Aguirre, Manuel Peris (CEO) e Eduardo Lopez

Final de uma etapa

No Brasil foram 20 anos de atuação conjunta com a distribuidora Decomac e, após um acordo financeiro e comercial, a D.A.S. decidiu atuar diretamente. “Vimos que o Brasil tinha um potencial a ser explorado onde a Decomac não atuava. No presente é complicado pensarmos neste País como nosso mercado principal — por causa da crise —, mas estamos bastante otimistas no longo prazo”, comentou Gonzalo.

A filial brasileira da D.A.S. — localizada em São Paulo — já está passando por seu primeiro ano de transição. Um grande contêiner chegou em maio e agora começarão a trabalhar nas vendas para aumentar o faturamento.

Gonzalo identificou o varejo como um setor muito importante, assim como projetos e instalações, por intermédio das lojas. Além disso, a empresa potencializará os seminários e treinamentos por todo o Brasil, incluindo webnários.

Também estão abrindo assistências técnicas oficiais e terão estoque permanente de peças e produtos. Para tanto, foram investidos US$ 12 milhões. “Mais do que crescimento, queremos ter uma presença sólida em todo o Brasil. Desejamos atender todos os clientes existentes e atrair novos com a imagem da marca de fabricante europeu de qualidade que oferece uma excelente relação de qualidade, preço e serviço. Também estamos criando uma rede de representantes e de lojas”, reforçou o diretor. “Fábrica no Brasil? É um sonho. A longo prazo é uma opção, sobretudo para produtos mais competitivos para as lojas”, disse.

Leia também:  Cartão de crédito não é mais o vilão das contas

 

Escritório brasileiro

A abertura da filial brasileira tem como objetivo três pontos principais: dar mais credibilidade e reforçar o vínculo com os clientes já existentes; ter maior controle no serviço e atendimento ao cliente, e poder focar em outros setores e aplicações que têm potencial para a D.A.S., como lojas, sonorização, projetos e igrejas.

Até agora, a empresa tem contratado funcionários que já possuíam uma trajetória com a D.A.S. A estrutura já conta com três das fotovendedores internos, dois apoiadores (administração e vendas), um técnico de som e um engenheiro. Mas também tem toda  a estrutura e apoio da sede na Espanha. Eduardo Lopez, gerente de desenvolvimento na Espanha, por exemplo, visita o Brasil uma vez por mês.

“Estamos montando uma rede de representantes e procuramos profissionais comprometidos e com valores. Isto é o mais importante: ética. Pensamos sempre a longo prazo, por isso estamos caminhando passo a passo. Temos excelentes clientes históricos praticamente no País inteiro, e é por meio do exemplo deles, e por eles, que iremos desenvolver nossa política. Vale destacar que estamos abrindo novos canais, focaremos em workshops, participação em eventos, webnários etc. O melhor marketing é oferecer o melhor suporte possível”, explicou Gonzalo com convicção.

 

No resto da região?

Na América em geral, o fabricante está atuando desde os anos 70 e foi o primeiro mercado no qual entraram fora da Espanha. Além disso, a empresa reconheceu que seu primeiro mercado são os Estados Unidos, país onde fica a filial D.A.S. Audio of América, em Miami, dando suporte técnico para a América Central e o Caribe com uma grande instalação de 100 mil m2.

Segundo dados da empresa, há cerca de dez anos a D.A.S. está entre as três marcas líderes na região, atuando em todos os segmentos, de grandes a pequenos, com parceiros antigos como Macaio na Argentina e Audiomúsica no Chile.

Leia também:  Alayne Carvalho, da Alca Representações: 25 anos de carreira vendendo áudio e instrumentos

“Abrimos nosso escritório nos Estados Unidos, com estoque, para ficarmos mais ágeis e facilitar a entrega do serviço para os países latino-americanos. Oferecemos todo o suporte técnico, além de seminários e formação. Criamos um relacionamento de longo prazo com nossos distribuidores, que compartilham nossa filosofia de trabalho. Sempre que escolhemos um distribuidor, pensamos a longo prazo. Temos uma relação de muitos anos com nossos distribuidores, como na Argentina, no Chile, no México e no Peru, entre outros”, comentou Gonzalo.

O México é um dos países onde a D.A.S. está vendendo bem, assim como a Guatemala. Já a Argentina e a Colômbia são historicamente mercados muito bons para a empresa, onde apostam fortemente nos distribuidores para reforçar o trabalho.

das

 

 

Comentários
view more articles

About Article Author

Redacao MM
Redacao MM

Música & Mercado é uma revista empenhada em promover e divulgar o mercado e negócios para a indústria de áudio profissional, iluminação e instrumentos musicais. Nós amamos o que fazemos.

View More Articles