Loja: Alberto Teclados promove um mundo com música por 03/02/2020

A Alberto Teclados é mais do que uma loja. A empresa realmente promove a música e ajuda a comunidade com interessantes projetos e ações culturais.

Alberto Costa e Rissa Ramos Costa Venturini

A Alberto Teclados tem sua base em Brasília, de onde desenvolvem o projeto Por um Mundo com Música, com foco em fornecer treinamentos, workshops, cultura e assistência à comunidade local por meio da música.

Rissa Ramos Costa Venturini, diretora-geral da loja, conta: “Trabalhar com música é fascinante. As capacidades e qualidades que a música proporciona ao desenvolvimento humano são infinitas. E nós, da Alberto Teclados, sempre tivemos essa visão muito clara. Portanto, expandir a música em toda sua dimensão sempre foi um dos nossos objetivos”.

Alberto Costa, fundador da empresa, é fascinado por música, e sentiu na pele toda a experiência que a música pode oferecer. Viveu a música desde pequeno, tocando órgão nas missas junto com os franciscanos em sua infância e adolescência. Aos 30 anos, sofreu um acidente e ficou entre a vida e a morte. Foram 15 dias em coma, mais de 35 cirurgias no rosto, além de fraturas e lesões no corpo e no cérebro. Os médicos deram uma estimativa de seis meses de vida e a impossibilidade de ter filhos. Aposentado por invalidez, usou a música em seu benefício. Hoje, com 65 anos de idade, mais uma filha e com a empresa posicionada no mercado, ele afirma com total segurança que o que o salvou foi a música.

O projeto Por um Mundo com Música sempre existiu ao longo da história da empresa, mas foi oficializado em 2012.

Ações do projeto

Por meio do projeto, a Alberto Teclados organiza diferentes ações, sendo elas:

Música nos hospitais (com o Remédio Musical): “Uma das nossas ações é auxiliar um projeto paralelo ao nosso, que se chama Remédio Musical, criado pelo músico e terapeuta Alan Cruz, também conhecido como Dr. Melodia, e que tem como objetivo levar a música para pacientes internados em hospitais”, explica Rissa. “Assim, somos voluntários do projeto Remédio Musical. Doamos instrumentos para uso do projeto e para arrecadação de dinheiro por meio de rifas que são realizadas por eles. Além disso, oferecemos um desconto adicional para compras realizadas por deficientes visuais que são beneficiados pelo projeto com a musicoterapia”.

Workshops, workshows e treinamentos: A loja tem um andar dedicado só ao áudio profissional. Nesse andar há um palco com espaço para workshops e workshows gratuitos. Em 2019, foram oferecidos 14 workshops gratuitos e cursos de áudio profissional, sendo um deles com direito a certificado da Yamaha Musical do Brasil.

Dia cultural: A loja organizou um domingo de música e poesia na cidade, apoiando o evento Domingo Bom, que aconteceu em Taguatinga nos meses de junho a setembro de 2019. A primeira edição do evento contou com o palco Alberto Teclados, onde se apresentaram bandas, DJs, contadores de histórias infantis e poetas.

Piano na cidade: Em parceria com a Casio, a loja adquiriu um piano digital que é oferecido para eventos que ocorrem na cidade. Em 2019, 15 eventos foram beneficiados com o piano.

Música nas escolas: Rissa comenta: “Temos uma parceria com o professor Renan Mariz, que criou o projeto SOM+EU visando oportunizar aulas gratuitas para crianças da escola municipal Ana Lúcia Oliveira. Nesse projeto, com muita alegria, recebemos doações da Tagima. O diretor da Tagima/Marutec e da Núcleo Musical, Marco Vignoli, ofereceu 30 estruturas de madeiras de violões que foram descartadas pela assistência técnica. Algumas das peças que compõem o violão, como tarraxas, rastilhos, pestanas e encordoamentos, foram doadas pela Alberto Teclados, e outras compradas a baixo custo pelo projeto SOM+EU, para restaurar e poder usar esses violões nas aulas. Renan Mariz, responsável pela iniciativa, contou com o apoio de dois luthiers, que fizeram a regulagem e o posicionamento das peças gratuitamente, auxiliando no projeto”.

Tudo é possível com bom planejamento

Pois é, mesmo em épocas difíceis, não é impossível ajudar a comunidade. Como a Alberto Teclados faz? No plano de investimento em marketing da empresa, existe uma porcentagem do faturamento destinado a esse tipo de ações. A loja recebe diariamente pedidos de doações e participações em eventos. Assim, tem uma equipe (composta por cinco pessoas, do nível estratégico mais alto da empresa) que analisa os pedidos para a redistribuição da verba. São estudados os objetivos dos pedidos, público-alvo, tipo de evento, orçamento e, principalmente, como a marca Alberto Teclados pode se posicionar naqueles momentos.

O projeto envolve muitas pessoas e parceiros, atraindo ao mesmo tempo muitos clientes para a loja. “Quando nos conectamos com o cliente, incentivamos compras recorrentes, aproximando assim a marca do consumidor. Além de atrair colaboradores que abraçam a causa, atividades como essas trazem reconhecimento e credibilidade para a marca, garantindo, consequentemente, posicionamento no mercado”, detalhou Rissa.

“É extremamente gratificante trabalhar com música. Estamos intimamente conectados uns com os outros e com o todo. Precisamos aprender que somos um só, e que é nosso dever oferecer o melhor de nós para o melhor de todos. Com certeza, existem mais pessoas boas no mundo do que o contrário. Só não aprendemos ainda a nos conectar e a nos doarmos.”

“Nada seria o projeto Por um Mundo com Música sem os parceiros, que já possuem outros projetos, e a vontade de quem quer ajudar. Muitas vezes, apenas impulsionamos o que já existe. A Alberto Teclados tem uma responsabilidade social a cumprir. A música deve ser vista como requisito indispensável para o desenvolvimento de uma sociedade mais justa, sem preconceitos e com respeito ao próximo. Queremos ser uma empresa que inspire as pessoas a serem o melhor que puderem, desenvolvendo, por meio da música, a criatividade e a sensibilidade, estimulando a realização de sonhos e inspirando momentos de felicidade”, agregou.

Um belo exemplo a seguir! E para 2020? A Alberto Teclados tem grandes planos, incluindo a expansão dos projetos já existentes e o lançamento de novos eventos, que já estão em programação. “Em 2020, temos como missão musicalizar o maior número de pessoas por meio da comercialização de instrumentos musicais e de áudio, a fim de proporcionar um melhor desenvolvimento da sociedade. Acreditamos na construção de um mundo melhor a partir da música, um mundo inspirador”, concluiu a diretora-geral.

Alberto Costa, fundador da empresa, enfatizou: “É a música constante, ela faz parte da economia do universo, constituinte desse acontecer, irrevogável. Os átomos se reorganizam, as células se reagrupam, e essa abstração segue incólume. Nessa corrida existencial, fazer parte desse todo, desse rol único, dessa vibração sem par, é ter vida irreversível. Estar dentro dessa metafísica é ir sem titubear, é caminhar num terreno firme, é criar e recriar com essa matemática sem topo. A música, muito além de uma simples diversão, é harmonia literal e espacial. Os sons, em todo o sistema, estão impregnados. A alma deve ser educada pela música. Essa ciência abstrata interfere nos dois lados do cérebro, gera a dopamina, substância do bem-estar, promove o equilíbrio, sana doenças. Venha, o tempo não espera, faça parte dessa esfera seleta. Tocar um instrumento é estar em conexão direta com o universo”.

Parabéns, Alberto Teclados!

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Comentários