Cartão de crédito não é mais o vilão das contas

Cartão de crédito não é mais o vilão das contas

por 19/01/2017

Mal considerado, o cartão de crédito apresenta hoje algumas formas que podem ajudar você nas suas compras e despesas

captura-de-pantalla-2017-01-11-a-las-13-46-47Ele sempre foi citado como um dos principais facilitadores para o endividamento dos brasileiros. Alto limite, juros, taxas e anuidades caríssimas fizeram do cartão de crédito o grande vilão do consumidor. No entanto, hoje ele já não representa uma ameaça para as finanças, graças às novidades relacionadas ao mundo do crédito que surgem no mercado.

Uma delas vem chamando a atenção nas redes sociais. Trata-se do Nubank, o cartão de crédito com bandeira aceita no mundo inteiro, sem anuidade, tarifas e que tem uma fila de espera de 400 mil pessoas para se cadastrar.

Esse é um exemplo de inovação que atende àquele consumidor mais atento, que prefere abrir mão do crédito a ter de pagar taxas exorbitantes aos bancos.

Desse modo, ter um cartão fica mais vantajoso, afinal, não podemos negar a sua utilidade, principalmente para compras maiores, que não têm condições de ser pagas à vista.

Claro que as velhas recomendações — como não assumir parcelas muito altas e de longo prazo, pagar sempre o total da fatura e não manter mais de um cartão — ainda estão valendo.

Segui-las à risca garante uma vida financeira saudável e não compromete o orçamento mensal.

Seja consciente com as suas finanças. Elas influenciam a sua vida como um todo, por isso busque alternativas de crédito que não camuflem custos extras, que só prejudicam o orçamento.

Infelizmente, muitas pessoas só notam isso quando colocam tudo na ponta do lápis ou quando já estão endividadas.

Aproveite as oportunidades que o mercado oferece e utilize o crédito da melhor forma.

Lembre-se de que ele pode ser vilão ou mocinho. Tudo vai depender da opção contratada, do planejamento e da organização de suas contas.

captura-de-pantalla-2017-01-11-a-las-13-46-53