Marketing barato

Marketing barato

por 27/07/2007

Hoje, com o fácil acesso a qualquer tipo de produto somado à grande concorrência, a necessidade de investir em ações de marketing se torna imperativa para todos nós. Então, o que fazer quando se tem pouca ou nenhuma verba para dinamizar o seu marketing? Neste artigo, trazemos algumas dicas de como gastar muito pouco ou nada para atrair consumidores para a sua loja utilizando algumas ferramentas de marketing. Muitas delas se servem da Internet, já que a “grande rede” é a maneira mais barata e rápida de se fazer negócios hoje em dia. Divirta-se!

Marketing Direto

E-mail marketing
Já falei nessa ferramenta em um artigo anterior (“9 dicas e alguns bons motivos para você iniciar a sua loja virtual”), mas vale a pena colocá-la aqui de novo. Uma das formas atuais mais eficientes de comunicação, o e-mail marketing — ou newsletter — consiste na comunicação da loja com seus clientes por meio do correio eletrônico. Algumas regras, como o prévio aceite ao conteúdo, devem ser respeitadas para que ‘o tiro não saia pela culatra’. Para utilizar essa dica, sua loja precisa ter um sistema de disparo, além de uma coleta constante dos dados e preferências dos clientes, a fim de que a mensagem seja pertinente aos gostos deles.

Num simples clique você se comunica com milhares de consumidores, usando a mesma luz que você já paga, a mesma conexão à Internet e por aí vai… Para saber mais sobre o e-mail marketing, leia o artigo anterior citado acima.

Custo: ‘QUASE NADA’ – somente recolher os dados dos clientes e ter um computador com conexão à Internet, já que existem várias ferramentas gratuitas de envio ‘dando sopa’ na rede.

Sites de comunidades virtuais
Sites como o Orkut e o Gazzag, entre outros, são gratuitos e concentram grande número de pessoas interessadas em um tema específico. Sendo assim, você pode procurar comunidades relativas a uma marca de violão ou guitarra — aquela mesma que você precisa ‘desovar do estoque’ — e postar um tópico oferecendo um desconto especial para quem comprar determinados produtos na sua loja, dizendo ter lido o tópico.

Além da dispersão da mensagem ser muito pequena, já que todos ali apreciam a referida marca, o retorno pode ser facilmente mensurável e a comunicação é ágil e dinâmica.

Custo: ‘ZERO’ – para essa estratégia não é preciso nem estar conectado à Web, já que a postagem pode ser feita de qualquer computador de terceiros.

Marketing Promocional

Links patrocinados
Também já citei essa forma de promoção no artigo citado no começo deste texto, mas vale a pena colocá-lo aqui. Os links patrocinados do Google (adwords.google.com) exibem sua pequena propaganda em forma de texto, para quem procurar sua mensagem. O melhor é que você só paga quando alguém clica no seu anúncio.

Custo: ‘QUASE NADA’ – Um clique para o seu site pode custar R$ 0,10.

Marketing Viral

Sites de conteúdo multimídia
Sites como YouTube disponibilizam a milhares de pessoas conteúdo em vídeo, de forma totalmente gratuita. Que tal pegar aquela câmera fotográfica digital de um amigo — caso você ainda não tenha a sua — e fazer pequenos comerciais sobre alguns produtos que queira promover ou mesmo sobre a sua loja, publicando-os no site? Se você acertar nas palavras-chave, estará direcionando sua comunicação ao público procurado… Quer exemplos de palavras-chave para o momento do cadastro? Então lá vai: marca do produto, bairro/cidade/Estado da sua loja, artista que usa o produto, tipo do produto (guitarra, violão, etc.), palavras chamativas (oferta, especial, oportunidade, etc.) e por aí vai. Ah, e não se preocupe em estar produzindo um vídeo ‘caseiro’, já que quem acessa esses sites adora esse tipo de ‘produção’ e acaba espalhando para outros amigos.

Custo: ‘ZERO’ – Se você ainda não tem uma câmera fotográfica digital ou não conhece ninguém que tenha uma e que possa te emprestar, esqueça… Você não precisa pensar em marketing porque certamente não deve ser desse planeta.

Parceria com associações de funcionários
Muitas empresas médias e grandes possuem associações de funcionários que informam rotineiramente seus associados por meio de jornais ou outros métodos e QUASE SEMPRE precisam de uma remuneração extra, além das contribuições dos funcionários. Já pensou em identificar esses tipos de empresa que ficam próximas à sua loja e propor uma parceria do tipo “Funcionários da empresa X ganham 10% de desconto em qualquer compra na nossa loja e ainda podem pagar com desconto em folha”? Além de fidelizar uma clientela, você escapa da inadimplência, o que pode facilmente absorver o custo do desconto concedido.

Esse tipo de mensagem se espalha rapidamente entre os associados.

Custo: ‘ZERO’ – É só pesquisar, se apresentar e aumentar as vendas.

Marketing Social

De olho no coletivo
Muita gente quer ajudar alguém e muitas vezes não sabe como. Os músicos são pessoas sensíveis e conscientes que gostam de ‘fazer a sua parte’ na sociedade. Por que então não juntar essas duas coisas?

‘Adote’ uma instituição de caridade, um orfanato ou uma escola pública e passe a aceitar doações de instrumentos ou acessórios usados de seus clientes para serem posteriormente repassados às instituições adotadas. Dessa maneira, você agrega valor à marca da sua loja, sendo um exemplo de responsabilidade social e acaba virando um serviço de utilidade pública no seu bairro ou região. Faça questão de divulgar em fotos, ou de outra maneira dentro da sua loja, os eventos em que os produtos são entregues às instituições. Isso vai gerar credibilidade à sua ação.

Custo: ‘ZERO’ – Fazendo a sua parte social, você estará se colocando cada vez mais perto da comunidade e de seus clientes.

Apoio a festivais de bandas iniciantes
Se você apoiar quem está começando, certamente será lembrado para toda a vida. Festivais de bandas iniciantes são os melhores eventos para colocar sua marca para sempre na cabeça dos consumidores. Faça de sua loja um ponto de recebimento de inscrições e atraia mais clientes para dentro dela sem fazer muito esforço.

Custo: ‘QUASE NADA’ – Solicite aos seus fornecedores produtos para premiação dos vencedores do festival ou utilize os produtos que não têm giro na loja.

Essas são apenas algumas das ações baratas que você pode implantar para dinamizar a exposição da sua marca e, conseqüentemente, aumentar as suas vendas. Boa sorte e até a próxima!