Feiras e eventos

Feiras e eventos

por 29/08/2006

Feiras aquecem mercado de instrumentos no segundo semestre; convenção da AES fortaleceu setor de áudio profissional


Desde maio, o mercado começou a se agitar com a proximidade das feiras mais importantes do setor. Além da Expomusic, eventos mais segmentados como a convenção da AES Brasil, que aconteceu de 8 a 10 de maio, há perspectivas de bons negócios com a Expo Cristã, para o forte mercado evangélico, e a Feira da Música de Fortaleza, que movimenta o setor na região Nordeste do País. Confira o que vem por aí e as novidades que as feiras devem apresentar para o mercado.


Mercado do Nordeste avança
Iniciativas como a Feira da Música de Fortaleza, a maior do gênero do setor na região Nordeste, contribuem muito para o crescimento do mercado musical fora do eixo Rio-São Paulo, promovendo um intercâmbio entre toda a cadeia produtiva do País. Em sua quinta edição, o evento contará com expositores da indústria de equipamentos de áudio, instrumentos e acessórios musicais, além da participação de músicos, bandas e outros profissionais do segmento. Eles se apresentarão no V Encontro Internacional da Música, com atrações especiais, em uma programação paralela à feira. “Esses shows também são negócios, pois funcionam como vitrines para o mercado da música”, sugere o coordenador da feira, Ivan Ferraro, que também é vice-presidente da Associação dos Produtores de Discos do Ceará (Prodisc).


A feira, que no ano passado recebeu 38 mil pessoas e 90 expositores, acontece de 9 a 12 de agosto, no Centro de Negócios do Sebrae, na capital cearense, e se destaca cada vez mais como um evento estratégico para o mercado de instrumentos. “É uma maneira eficiente de ampliar o contato do lojista com fornecedores e fabricantes. Vale lembrar que, com o apoio do Sebrae-CE, estamos convidando diversos lojistas do interior do Ceará e de estados vizinhos para intensificar os negócios durante o evento”, observa Ferraro. Empresas como Hering Harm