Sonorização de ambientes, muito mais que tecnologia

Sonorização de ambientes, muito mais que tecnologia
julho 10 11:41 2009

Sonorização de ambientes, muito mais que tecnologia
Entenda por que esse mercado no Brasil é crescente e como ele funciona

O instrumento musical, hoje, é dono de uma representatividade indiscutível no aquecimento de vendas do áudio profissional. A parceria de sucesso é aquela que agrega valores para ambos, ou seja, a indústria tem de estar atenta às necessidades dos lojistas assim como de suas equipes de vendas. E é por conta dessa realidade que é imprescindível a aplicação constante de treinamentos intensivos que estimulam os vendedores a se profissionalizar, uma vez que o consumidor, a cada dia mais racional e exigente, espera sempre um atendimento de alto nível.

De acordo com a Associação Brasileira da Música (Abemúsica), o setor de áudio profissional movimenta R$ 600 milhões. A cifra retrata a dinâmica dos negócios realizados em projetos de sonorização, comercialização de instrumentos musicais, som profissional como equipamentos em geral, além de acessórios e iluminação.

Nesse universo há dúvidas que, apesar de consideradas simples por muitos, podem ser determinantes para a qualidade de um projeto de sonorização. Você tem a exata noção sobre quais potencialidades devem ser valorizadas quando se pensa em sonorizar um ambiente? E o que hoje é considerado indispensável para implantar um projeto de sonorização com excelência e valor qualitativo? Essas são algumas perguntas essenciais que integram o cenário do áudio profissional.

Quando se contrata um serviço de sonorização, é preciso estar atento a detalhes preciosos. A primeira preocupação é orientar o cliente sobre o investimento a ser realizado. Dependendo do nível e da necessidade, deve-se inicialmente discutir não somente o custo, mas quanto o cliente está disposto a investir. Dessa forma, os esforços se concentram na identificação de um produto que se enquadre no valor permitido no orçamento da empresa e se o produto, adequado a esses recursos, poderá ou não atender às expectativas.

Leia também:  Grupo Leolar investe no segmento de áudio e instrumentos

Analisando o mercado nacional, o Brasil está caminhando de maneira positiva, com bom conceito no conhecimento sobre áudio. Assuntos que há anos pareciam impossíveis de se compreender hoje são tratados como procedimentos normais em nosso meio. 

O mercado de som tem muito a crescer no País e no mundo. O potencial brasileiro nesse segmento não se deve ao acaso. O setor religioso, por exemplo, é responsável por cerca de 50% dos investimentos em projetos de sonorização em nossos negócios. As igrejas são o principal nicho no que diz respeito à instalação de caixas acústicas e equipamentos de som profissional. Segundo a AES (Audio Engineering Society), sociedade mundial que estimula o estudo e o desenvolvimento do áudio, a cada dia é fundada uma igreja no Brasil.

Outro setor responsável por consistentes investimentos em projetos de sonorização é o segmento esportivo. Estádios de futebol, ginásios e quadras representam a vice-liderança na procura por essa modalidade de serviço de áudio profissional. Já as casas de shows ocupam a terceira posição no ranking de sonorização.

Em esferas mundiais, a Europa é o centro de informações. Inglaterra, Itália e Alemanha sempre foram países referências para o mercado de áudio. Os Estados Unidos também ocupam essa fatia. Mas, hoje, o Japão determina a tendência internacional na tecnologia digital. Para acompanhar essa dinâmica agressiva, cada vez mais impulsionada pela globalização, é preciso estar atento às tendências e levá-las ao conhecimento dos departamentos decisores da companhia para possível alinhamento de estratégias de atuação.

Vale ressaltar, ainda, que o mercado de áudio detém um lado humano importante que, na verdade, é a essência de todo o trabalho: a sensibilidade auditiva. Ou seja, não existe uma regra básica para se chegar ao melhor som. Em linhas gerais, pode-se fazer a analogia a um médico na hora de medicar seus pacientes. Cada situação exige uma solução única para a execução do projeto. 

Leia também:  Palm Expo 2009

No mercado de áudio profissional, as empresas procuram sempre indicar o que há de melhor. Ao idealizar um projeto solicitado, os melhores equipamentos são, na verdade, os medicamentos que nos oferecem recursos para o sucesso do trabalho.

Comentários
view more articles

About Article Author

MM
MM

Música & Mercado é uma revista empenhada em promover e divulgar o mercado e negócios para a indústria de áudio profissional, iluminação e instrumentos musicais. Nós amamos o que fazemos.

View More Articles