Roland passa a trabalhar com representantes comerciais

Roland passa a trabalhar com representantes comerciais
março 23 21:53 2015

 Roland Brasil cria sua rede de representantes comerciais

Com uma longa trajetória da politica de vendas baseada no atendimento direto, a Roland Brasil inicia vendas através de representantes comerciais autônomos.

“Muitos consumidores finais sentiam-se órfãos com relação à acessibilidade dos produtos Roland; a medida irá beneficiar a todo o mercado; do consumidor final, a gente [comércio] e até a própria Roland”, disse um lojista que preferiu não se identificar.

Os representantes já estão atuando desde a semana passada, e os resultados não surpreendem, posto que a percepção de marca e produtos da companhia japonesa são as mais elevadas. “A Roland é uma marca top e a aceitação tem sido incrível em pouco mais de três dias de trabalho”, Marivaldo Peixoto, da ‘A Musical’, novo representante da marca para Distrito Federal, Goiás e Tocantins”.

A quebra do paradigma dos representantes comerciais nas grandes importadoras já vinha ocorrendo, quando empresas como Equipo, Habro Music entre outras passaram a utilizar a mão de obra destes profissionais.

Para a categoria dos representantes o ganho é grande; para a Roland é uma forma de ampliar a equipe de venda e colocá-la em contato diário com o mercado, lojistas e vendedores. Com a medida, a empresa irá atuar de forma efetiva em todos os Estados brasileiros; podendo exapndir seus negócios em cerca de 70% no País.

Além das marcas Roland e Boss, a empresa também fabrica os órgãos Rodgers.

Comentários
Leia também:  Novità Music distribui Crafter e Aquarian no Brasil 
view more articles

About Article Author

MM
MM

Música & Mercado é uma revista empenhada em promover e divulgar o mercado e negócios para a indústria de áudio profissional, iluminação e instrumentos musicais. Nós amamos o que fazemos.

View More Articles