Falta de preparo x falta de interesse

Falta de preparo x falta de interesse
dezembro 18 15:56 2008

Falta de preparo x falta de interesse
Identificar esses dois elementos em sua equipe pode ser um eficiente caminho para entender o desempenho das vendas da sua loja

    Há uma enorme diferença entre a falta de preparo e a falta de interesse. Podemos perceber facilmente a diferença entre um novo colaborador e um vendedor que já faz parte do seu quadro de funcionários há anos. O novo chegou cheio de energia, pronto a assimilar novos conhecimentos e se integrar ao novo ambiente. O antigo anda meio cansado, e sua rotina não lhe inspira mais.
É importante distinguir em sua equipe as pessoas sem interesse, que nada fazem para que os processos sejam melhorados – e saiba que isso pode dar trabalho. Elas não apresentam novas idéias, não buscam soluções práticas e não compartilham informações valiosas dos seus clientes com o restante da organização.

Por observação própria, vejo que o mais comum não é a falta de processos, mas o desconhecimento da própria empresa e de seus produtos. É importante se interessar em conhecer bem seu produto, apontar soluções, estar atentos a fatores externos que influenciam diretamente os resultados…  
Não existe, na verdade, uma fórmula de treinamento e desenvolvimento, pessoal ou profissional, pronta para atender a todas as suas necessidades. Porém, vale ressaltar que a melhor forma de saber como melhorar é entender onde estão suas falhas, estudá-las, reconhecer os procedimentos que nada lhe acrescentam e livrar-se deles. Procure entender qual é o seu papel na organização, que faz parte de uma cadeia que vai da venda direta no balcão até a indústria. Os processos devem seguir constantemente com uma abrangência que permita o pleno entendimento dos conceitos e a aceitação dos novos que ainda estão por vir.

O varejo se profissionaliza
O gerente ou o proprietário de uma loja deve reunir técnicas e conhecimentos sobre marketing, merchandising, promoção de vendas; colher e analisar dados sobre vendas, demandas e o comportamento dos clientes que lhe trarão as informações corretas para tomar decisões de compra e de manutenção de estoque. Ele também é responsável pela avaliação do desempenho de seus vendedores e precisa motivá-los constantemente para que mantenham um volume de vendas de acordo com as metas elaboradas. Quanto mais você mantiver seus colaboradores interessados em sua empresa e focados no alcance das metas como um todo, mais interesse eles vão apresentar diante dos seus produtos e, automaticamente, o reflexo positivo poderá ser notado em seu balanço mensal de vendas.

Leia também:  “Meu desafio foi vencer a concorrência com as lojas de São Paulo”

Lembre-se: quando o interesse diário por novos desafios se faz presente, o ambiente passa a ser muito mais agradável, e preparo e conhecimento são fatores fundamentais para elaborar estratégias reais. São ferramentas que possibilitam entender as necessidades e expectativas de um todo, estabelecendo um relacionamento entre você seus produtos, seus colaboradores e seus clientes, no qual a existência de cada um é essencial para a sobrevivência do negócio.

Vender mais e melhor
Comunicar-se, trocar informações, ainda que seja com uma equipe de duas, dez ou só de uma pessoa, é fundamental. Estudar seu produto é muito mais que saber sua cor, modelo e ano de fabricação. O estudo do produto está diretamente relacionado a quem ele se destina: Quem o vende? Quem o compra? Quem o deseja? Quem o consome? Quem se encanta com ele? Partindo desse princípio, começamos a percebê-lo por outro prisma. Por exemplo, se um cliente chega à sua loja e pergunta: “Quanto custa um violão?”, o que você responde?

Se você só responde o preço e pronto, as chances de ele sair na mesma velocidade que entrou e perguntou o preço são grandes. Mas se você fizer algumas perguntas, poderá ajudá-lo a pegar uma linha de raciocínio inicial. Sua empresa existe para satisfazer desejos. Busque compreender e entender que desejos são esses, para quem você trabalha. Passe a acreditar que você trabalha para satisfazer desejos de conquistas, de sobrevivência, de realizações. Quanto mais preparado estiver, maiores serão suas chances de sucesso em todas as esferas da vida, sejam elas pessoais ou profissionais.
Sucesso vem por meio de estudo, planejamento, esforço e muita prática. Se você não está preparado, mas possui um grande interesse em mudar, já deu o primeiro passo para o sucesso. Pratique-o, conheça o gosto do aprendizado e jamais se sinta totalmente preparado: a vida é um constante aprendizado.

Comentários
view more articles

About Article Author

MM
MM

Música & Mercado é uma revista empenhada em promover e divulgar o mercado e negócios para a indústria de áudio profissional, iluminação e instrumentos musicais. Nós amamos o que fazemos.

View More Articles