EMPRESA: Novos produtos para novos mercados

EMPRESA: Novos produtos para novos mercados
julho 03 18:06 2012

HotSound reestrutura seus negócios, amplia sua estrutura física e investe no aperfeiçoamento de seus produtos para ganhar mercado com a Copa do Mundo e as Olimpíadas, que chegam ao Brasil nos próximos anos

A Copa do Mundo e as Olimpíadas acontecem nos próximos anos no Brasil e têm deixado o setor de áudio profissional nacional atento. Com as inúmeras alternativas de negócios que esses eventos trarão ao País, diversas empresas têm investido para estarem preparadas quando as oportunidades realmente chegarem.

A HotSound é uma fabricante nacional de caixas e amplificadores com 22 anos de atuação no mercado brasileiro. Em 2012, a empresa começou o ano com grandes reformas na sua fábrica, com o intuito de aumentar a produção e ter condições para manufaturar novos produtos. 

A nova estrutura, de 800 m2, permitiu à empresa a contratação de cerca de 40% a mais de mão de obra.

Atualmente, a companhia faz cerca de 550 equipamentos por mês e, com a expansão, busca aumentar 50% desse número. Marcia Ribeiro, sócia da HotSound, salienta a importância das alterações para o crescimento da empresa não só na produção como na destinação de novos negócios. “Muda muita coisa. Abrimos espaço para a fabricação de caixas próprias, a contratação de novos funcionários, o incremento das importações e uma nova postura de todos diante da HotSound”, defende a proprietária.

Para José Roberto Mandro, também sócio, o investimento feito neste ano é resultado de um 2011 difícil que a empresa enfrentou, mediante um mercado de áudio pouco aquecido no Brasil. “O ano de 2011 foi razoável, pois sentimos mudanças no cenário econômico, principalmente no setor de áudio. Para 2012, estamos com grandes expectativas de negócios, entre novos segmentos de produtos e novas parcerias na produção”, garantiu o empresário.

Leia também:  MARKETING: Excelência em pós-venda

HotSound, 22 anos de história

Fundada por José Roberto Mandro, a HotSound foi criada em 1990 a partir da demanda dos próprios profissionais de áudio, que necessitavam de um produto na região que lhes oferecesse segurança e certeza de manutenção.

José Roberto já trabalhava com sonorização e manutenção de equipamentos eletrônicos e, em determinado momento, viu a oportunidade e investiu no próprio negócio. No início, em paralelo, ele fazia a manutenção de equipamentos dos clientes da região de Valinhos e Campinas, interior de São Paulo, até conseguir se dedicar exclusivamente à produção dos equipamentos da HotSound.

Segundo Adilson Antonio, gerente comercial da companhia, as dificuldades dessa época se deram no sentido de desenvolver um produto confiável, com capacidade para concorrer com os equipamentos já comercializados e, ainda assim, conseguir preços atrativos no mercado. “Felizmente, conseguimos captar a confiança de nossos usuários e, principalmente, adquirir a respeitabilidade tanto dos clientes quanto dos fornecedores. Com isso, fomos crescendo e ampliando nossa linha de produtos, amplificadores e periféricos”, explica.

Concorrência asiática

Nos anos 2000, o Brasil viu a massiva entrada de produtos chineses no País. Para a companhia, o problema ainda persiste. “A concorrência dos produtos chineses, que afetou todos os fabricantes nacionais, parece ser o desafio do momento. Além disso, as políticas internas e externas certamente afetam todos nós. Não é fácil ser fabricante no Brasil”, ressalta Adilson.

Com os investimentos acima mencionados e novas parcerias fechadas, que a empresa não quis revelar, a companhia quer crescer no mercado nacional. A queixa da HotSound, porém, parece uma unanimidade entre os fabricantes do País: os altos impostos. “A presidente [Dilma Roussef] diz que vai ajudar a indústria nacional com algumas medidas. Se fossem reais, com mudanças tributárias inclusive, teríamos chance de melhorar, mas apenas reduzindo juros, nossos produtos, no custo básico, continuarão caros em relação aos importados chineses”, defende Adilson.

Leia também:  OPINIÃO: Salve as florestas, salve o setor

De olho na Copa do Mundo, a empresa investiu e quer uma parcela maior desse mercado nacional em expansão. “Acreditamos que a Copa do Mundo trará certamente um volume de negócios maior ao nosso país e esperamos estar presentes em uma fatia desse ‘bolo’”, finaliza Adilson.

Hot Sound

Data de fundação:  junho de 1990
Proprietários: José Roberto Mandro, Márcia Mandro e João Paulo Mandro
Endereço: Estrada Municipal Governador Mario Covas, 641 – Bairro Macuco
Cidade: Valinhos – SP
Contatos: (19) 3869-1478
www.hotsound.com.br

Comentários
view more articles

About Article Author

MM
MM

Música & Mercado é uma revista empenhada em promover e divulgar o mercado e negócios para a indústria de áudio profissional, iluminação e instrumentos musicais. Nós amamos o que fazemos.

View More Articles